O backend é voltado para o servidor, muitas vezes nunca visto pelos usuários. Desenvolvedores de back-end programam as funções dos aplicativos e os tornam mais seguros, livres de erros e rápidos. Um desenvolvedor de back-end é proficiente em várias linguagens de programação, como Python, Ruby, Java e PHP.

Um desenvolvedor backend trabalha no servidor, banco de dados e APIs por trás de uma aplicativo web. Como você aprendeu, o front end é uma área importante e interessante da programação, que envolve criatividade e técnica. Aprender front end pode abrir muitas oportunidades profissionais e pessoais. Se você gostou desse conteúdo e gostaria de entrar na área de programação, eu recomendo que você faça a sua inscrição na Kenzie Academy Brasil. Um(a) programador(a) front-end precisa saber como criar interfaces web que sejam bonitas, funcionais e acessíveis. Alguns conhecimentos essenciais são HTML, CSS e JavaScript, além de frameworks e bibliotecas que facilitam o desenvolvimento e noções de lógica de programação.

O que é um software?

Ou seja, vale notar que o JavaScript é a única linguagem de programação do lado do front-end. O HTML é considerado uma linguagem de marcação; e o CSS, uma linguagem de estilo. Se quiséssemos perceber as mais diversas razões pelas quais os web-developers de hoje em dia decidiram entrar neste universo específico, tudo o que teríamos de fazer é perguntar. Quanto ao desenvolvimento de interfaces, você pode esperar mais foco no design, estilo e desafios de codificação para gerar interfaces versáteis e visualmente atraentes para os usuários.

  • Os frameworks tornaram-se parte integrante do processo de desenvolvimento da web hoje devido aos padrões crescentes dos aplicativos da web e à complexidade da tecnologia necessária.
  • No geral, podemos contar com vários tipos de clientes, como aplicativos para Android, iOS, sites e plataformas web.
  • Ambas as possibilidades, front-end e back-end, são cheias de oportunidades no mercado de trabalho, então escolha com calma.
  • O termo front-end se refere à interface gráfica do usuário (GUI) com a qual as pessoas interagem, como menus de navegação, elementos de design, botões, imagens e gráficos.

Ou seja, no
framework temos um código pronto para manipular o banco de dados. Até hoje, esta é uma das mais importantes linguagens de programação, inclusive porque nela baseiam-se diversas bibliotecas e frameworks do mercado. Mais jovem que seus antecessores HTML e CSS, o JavaScript é uma linguagem de programação criada para adicionar mais dinamismo e interatividade a sites que já estavam estruturados e estilizados. A grande importância em dominar este conceito é que, embora as linguagens de programação sejam muito diferentes entre si, a lógica por trás de todas elas é sempre a mesma. Logo, ao compreendê-la, todas as aprendizagens seguintes tornam-se muito mais simples.

Back-end e a sua relação com o Banco de dados

Conhecimento tecnológico gratuito e conselhos de carreira para te ajudar a conseguir o emprego dos teus sonhos! Inscreve-te para receberes as histórias mais recentes diretamente na tua caixa de entrada. Identifique os gargalos de desempenho do seu site para proporcionar uma experiência de usuário aprimorada. Em contraste, outra empresa pode exigir que você simplifique um site com dados pesados, eliminando o uso excessivo de HTML e fazendo um plano que utiliza principalmente JavaScript.

Ou seja, cuida das partes visuais e da interação entre usuários e tela. Se você precisa só apresentar o conteúdo, sem nenhum tipo de interação dinâmica como consulta à um banco de dados, você pode ter esse resultado só com a camada front-end. Para alguns, desenvolver códigos em HTML, CSS e JavaScript para o front-end é mais fácil que elaborar códigos para o back-end, usando outras linguagens como Python, Ruby, PHP ou ainda C#, Swift, etc. Hoje em dia, o HTML, que já chegou à quinta versão (o HTML 5), e o CSS, que está na terceira (CSS 3), possibilitam a criação de conteúdo muito mais complexo do que antigamente. Além disso, manipular essas linguagens para criar páginas com maior apelo visual não é uma tarefa tão descomplicada como pode parecer. Por exemplo, quando procuramos um produto em um site de compras, estamos usando o navegador para fazer uma requisição de dados ao servidor.

Principais linguagens front-end

O programador front-end é responsável por codificar o ‘visual do sistema’. Em outras palavras, é por meio do back-end que são criadas as funcionalidades que não são visíveis ao usuário final, https://www.ocafezinho.com/bootcamp-de-programacao-como-desenvolver-suas-habilidades-em-poucos-meses/ como a validação de formulários, a manipulação de dados e a geração de relatórios. Em todas as áreas de conhecimento, uma pessoa com conhecimentos de front e back pode ser útil.

programação front end e back end

O JavaScript pode acionar alterações em uma página e exibir novas informações. Isso significa que o front-end pode lidar com interações (ou solicitações) básicas do usuário, como exibir um calendário Bootcamp de programação: como desenvolver suas habilidades em poucos meses ou verificar se uma pessoa inseriu um endereço de e-mail válido. Você deseja conhecer ainda mais sobre essas áreas de tecnologia front-end e back-end, e criar seus próprios projetos?